Mulher encontra cadelinha que vira anjo em sua vida

Navegando por sites gringos e do meio pet, encontrei uma loja online americana, chamada The Animal Rescue Site. Esse e-commerce é bem variado, mas muito além disso, carrega um propósito lindo por trás. Para cada compra feita, uma doação de alimentos é destinada para abrigos de animais. Além disso o site abre espaço para as pessoas mandarem histórias com seus pets e uma delas me chamou muito a atenção. E é exatamente por isso que estou escrevendo essa matéria pra vocês.

A história é de Linda Johns Oak Harbor, que mora no estado de Ohio, nos Estados Unidos. Ela conta que perdeu a mãe e sua Shihtzu, chamada Barnabis, em um período de 20 dias e concluiu que suas duas almas gêmeas se foram: “Eu estava completamente devastada a partir destas grandes perdas”. O marido de Linda chegou a dizer que nunca mais queria ter cães, porque não quer sentir esse tipo de angustia novamente.

Cinco meses depois eles acabaram resolvendo procurar um novo membro para a família, de quatro patas e bem peludinho. Ela passou um mês procurando na internet até que afirmou: “Achamos uma menina preciosa, que me tocou. Fiz um pedido e fui selecionada para fazer uma entrevista e conhecê-la”. No caminho ela passou no túmulo da mãe e pediu para que tudo ocorresse bem e completou, pensativa: “Meu coração não vai se curar enquanto eu continuar procurando”.

Ela chegou e foi encontrá-la, notou que ela estava exausta (porque tinha tido um dia de muitas brincadeiras com várias crianças), mas ainda assim a cachorrinha se aproximou, subiu no colo da Linda e começo a dormir. A surpresa foi quando ela descobriu que seu nome era Bobbie, o apelido de sua mãe. Naquele momento, ela afirmou que tinha certeza que aquilo era um sinal do céu e ela tinha que ser dela. Houveram alguns contratempos para o processo de adoção, mas deu tudo certo.

“Hoje Bobbie têm quase 15 anos de idade, está lentamente perdendo a audição, com um pouco de artrite, mas ela é e sempre será o meu anjinho. Eu não posso imaginar a vida sem ela. Por favor, opte pela adoção, eles precisam de você tanto quanto você precisa deles.”

Ainda não é muito comum, mas aumenta cada dia mais o número de empresas que buscam trabalhar com produtos pet, porém com um propósito forte por trás. Uma delas é a Pet e Arte, que pega parte dos lucros de produtos selecionados e reverte para grupos de proteção animal, que atuam no resgate, tratamento e doação de cães em situações de abandono ou maus tratos. Além de tudo isso, a fundadora ainda gerencia o grupo Bull Terrier Rescue BR, Grupo Bull Terrier Rio de Janeiro e participa de vários encontros com donos de animais em São Paulo e Rio de Janeiro.

Veja outros artigos sobre pets.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s